Home » Pesquisa mostra eficácia da vitamina B12 para atenuar covid-19

Pesquisa mostra eficácia da vitamina B12 para atenuar covid-19

por Redação

Estudo da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) Minas Gerais constatou que a vitamina B12 regula processos inflamatórios que, durante a infecção pelo vírus Sars-CoV-2, se encontram desregulados. Na prática, esse quadro leva ao agravamento da covid-19.

A pesquisa comparou amostras de sangue de pacientes hospitalizados com as formas grave e moderada da doença. Além disso, usou amostras de sangue de pessoas saudáveis (voluntários sem covid-19), analisando a expressão de todos os genes pelas células de defesa, os leucócitos, em cada um dos grupos.

Relação entre vitamina B12 e covid-19

Segundo o estudo, as análises mostraram que os pacientes com covid-19 tinham expressão alterada de muitos genes, embora estivessem em tratamento com corticoides há cerca de 11 dias. Com a introdução da vitamina B12, a expressão dos genes inflamatórios e de resposta antiviral dos pacientes se aproximou a dos indivíduos saudáveis. Isso mostra a eficácia da vitamina para o controle da inflamação. 

Todos os dados gerados pela pesquisa foram publicados em um artigo, em formato ainda em preprint. Enquanto isso, é aguardado o processo de revisão pelos pares que antecede a publicação da versão definitiva. 

Tempestade inflamatória

De acordo com o estudo, a B12 atenua um quadro conhecido como tempestade inflamatória. Ela é causada por uma resposta imune excessiva do organismo. A B12 atua como um regulador desse evento. Isso porque aumenta a produção da molécula doadora universal de uma substância chamada metil. Essa substância é capaz de desativar genes que favorecem a inflamação. 

A pesquisa da Fiocruz Minas mostra, de forma pioneira, que é possível atuar na normalização desse processo que, por sua vez, é fundamental para a regulação da atividade dos genes por meio de fármacos, no caso, a vitamina B12. 

De acordo com a Fiocruz, para verificar a segurança da B12, a equipe da pesquisa introduziu o tratamento com a vitamina nas amostras de indivíduos saudáveis e constatou que não houve qualquer alteração nos níveis de expressão dos genes avaliados o que mostra a segurança do tratamento, ao atestar a não toxidade da B12. Ou seja, comprova-se a eficiência da vitamina B12 contra a covid-19, especificamente para a regulação dos genes com expressão alterada na doença. 

Fonte: Agência Brasil

Foto: Freepik

Redação

Artigos Relacionados

1 comentário

Margareth de Souza 14 de outubro de 2022 - 19:29

Quero adquirir o cerebrom e vitamina b12

Responder

Deixe seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja nosso parceiro!

Fale conosco e tire todas suas dúvidas. Venha fazer parte do maior canal de entrevistas de saúde do Brasil!

Newsletter

    @2023 Fernando Beteti – Todos os Direitos Reservados.