terça-feira, fevereiro 27, 2024
Home » ‘Nem quem defende a linguagem neutra sabe utilizá-la’, diz Lara Brenner

‘Nem quem defende a linguagem neutra sabe utilizá-la’, diz Lara Brenner

por Fernando Beteti
linguagem neutra

Muita polêmica envolve a chamada linguagem neutra ou linguagem não binária. Seja nas rodas de conversa, ou nas redes sociais, o assunto sempre rende debates acalorados.

No entanto, a palestrante e professora de português, Lara Brenner, é enfática. De acordo com ela, os argumentos utilizados pelos que defendem a linguagem neutra não se sustentam.

A linguagem neutra é aquela que propõe o uso do artigo neutro “e” para substituir os artigos femininos e masculinos “a” e “o”. A justificativa seria representar indivíduos que não se identificam dentro da binariedade de gênero. Ou seja, invés de utilizar apenas a palavra “todos” e “todas”, por exemplo, seria usada a palavra “todes”.

Porém, Lara Brenner”, que é professora do curso de português no Núcleo de Formação da produtora Brasil Paralelo, alerta: “Nem mesmo quem defende a linguagem neutra sabe usar ela”, disse ela, em entrevista ao canal Fernado Beteti.

“A pessoa que dá boa tarde a ‘todos’, ‘todas’ e ‘todes’ daqui a dois segundos fala, por exemplo: ‘todos nós sabemos que temos de estar atentos’… essa pessoa não fala ‘todas, todos e todes nós sabemos que temos de estar atentos, atentas e atentes’. Ou seja, essa pessoa não consegue manter isso depois no discurso. Isso seria absolutamente insustentável”, exemplifica.

Quer saber mais sobre linguagem neutra e outros assuntos? Assista na íntegra a entrevista de Lara Brenner ao canal Fernando Beteti:

Fernando Beteti

Artigos Relacionados

Deixe seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja nosso parceiro!

Fale conosco e tire todas suas dúvidas. Venha fazer parte do maior canal de entrevistas de saúde do Brasil!

Newsletter

    @2023 Fernando Beteti – Todos os Direitos Reservados.