Home » Hospital de Tel Aviv consegue extrair esperma de vítimas do Hamas

Hospital de Tel Aviv consegue extrair esperma de vítimas do Hamas

por Redação

O esperma de um jovem israelense morto pelo Hamas no sul de Israel foi extraído e preservado pela equipe do Centro Médico Sourasky de Tel Aviv (Ichilov). As informações são do The Jerusalem Post.

Desde que os ataques começaram, em 7 de outubro, dezenas de famílias procuraram o Ministério da Saúde pedindo a coleta de esperma dos jovens mortos pelo Hamas.

Dr. Shimi Barda, diretor do Banco de Esperma de Ichilov, disse ao jornal que embora a literatura científica sustente que o esperma vivo pode ser obtido de um cadáver nas primeiras 45 horas, as autoridades de saúde decidiram estender o período para 72 horas.

De acordo com o médico, a maioria das tentativas de extração de esperma foi bem-sucedida.

Por que extrair esperma de vítimas do Hamas?

Barda explicou que a extração de esperma de uma pessoa falecida é sempre uma situação trágica. No entanto, é uma alternativa quando ocorrem mortes súbitas e existe o desejo de deixar para trás uma memória viva do ente querido. Nesses casos, o encaminhamento normalmente vem da mulher ou do parceiro com quem o falecido planejou ter um filho. 

Em resposta à situação, o Ministério da Saúde estabeleceu um procedimento emergencial que simplifica o processo de solicitação de preservação de esperma, dispensando a necessidade de ordem judicial. Um coordenador foi nomeado para supervisionar esse assunto em nome das famílias.

Foto: Hassan Eslaiah/Deir el-Balah/Al Jazeera

Redação

Artigos Relacionados

Deixe seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja nosso parceiro!

Fale conosco e tire todas suas dúvidas. Venha fazer parte do maior canal de entrevistas de saúde do Brasil!

Newsletter

    @2023 Fernando Beteti – Todos os Direitos Reservados.