segunda-feira, fevereiro 26, 2024
Home » Coma esta fruta diariamente e reduza o risco de câncer em 60%

Coma esta fruta diariamente e reduza o risco de câncer em 60%

por Redação

Um estudo conduzido por universidades britânicas aponta que a inclusão de uma banana verde na dieta diária pode ter um impacto positivo na prevenção do câncer, especialmente em pessoas com predisposição genética à doença. A pesquisa, publicada na revista científica da Associação Americana para Pesquisa do Câncer, envolveu instituições de renome no Reino Unido, como as universidades de Newcastle e Leeds.

Ao longo de um período de quatro anos, um grupo de pesquisadores acompanhou cerca de mil indivíduos portadores da síndrome de Lynch, uma condição genética que aumenta a probabilidade de desenvolver diversos tipos de câncer, incluindo os que afetam o intestino, ovário, estômago, útero e pâncreas.

Impacto da banana verde na prevenção do câncer

Um dos resultados mais significativos da pesquisa diz respeito ao consumo de amido resistente, um composto presente na biomassa da banana verde, assim como na aveia.

Cerca de 460 participantes foram instruídos a incorporar 30 gramas diárias deste suplemento à sua alimentação, enquanto os demais receberam doses de placebo.

LEIA TAMBÉM – Cientistas descobrem tempero que tem efeito protetor contra o câncer

Os achados demonstraram uma redução de até 60% em determinados tipos de câncer entre os indivíduos que consumiram o amido resistente. Os efeitos foram particularmente notáveis na prevenção de cânceres no esôfago, trato biliar, pâncreas e duodeno.

O professor John Mathers, da Universidade de Newcastle, comentou ao jornal The Sun.: “O efeito mais marcante foi observado no segmento superior do intestino.”

O papel do amido resistente no organismo

Caracterizado por não ser absorvido no intestino delgado, o amido resistente passa por fermentação no intestino grosso, promovendo o crescimento de bactérias benéficas para o corpo.

A descoberta sobre o impacto positivo desse amido na prevenção do câncer representa um avanço significativo na medicina, especialmente para o tratamento de pessoas com síndrome de Lynch.

Diante da relevância dos resultados relacionados ao amido resistente na prevenção do câncer, os cientistas têm planos de continuar o estudo por mais uma década, ampliando sua abrangência.

Além disso, as pesquisas futuras também investigarão o papel da aspirina na redução de câncer no intestino grosso. Estudos prévios indicaram que esse medicamento pode diminuir esse tipo de câncer em até 50%.

Conforme os estudos avançam e esses resultados são confirmados em uma escala mais ampla, a banana verde pode se tornar um aliado eficaz na luta contra o câncer e na promoção da saúde intestinal.

As informações são do Catraca Livre

Redação

Artigos Relacionados

Deixe seu Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja nosso parceiro!

Fale conosco e tire todas suas dúvidas. Venha fazer parte do maior canal de entrevistas de saúde do Brasil!

Newsletter

    @2023 Fernando Beteti – Todos os Direitos Reservados.